Uma vez estagiário, sempre estagiário.

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

As 48 Leis do Poder - Décima Sexta Lei

Escrito por with 2 comentários
Minha equipe tinha pego o projeto mais complicado dentre todos os projetos. Eu era responsável por coordenar 15 pessoas além de manter todo o projeto em ordem, documentado e dentro do cronograma.

Logicamente, todos os encarregados ficavam me olhando com desdenho, pois não colocava a mão na massa, visto que, a coordenação do projeto tomava todo o tempo em que ficava na empresa e mais algumas horas em casa.

Foi em um dia que chamei a atenção de todos por conta de um erro que havia sido feito e comprometido totalmente o cronograma, que viraram para mim e disseram que eu não podia reclamar, já que eles faziam todo o trabalho e eu apenas ficava brincando de gerenciar todo mudo.

Naquele exato momento, levantei da minha cadeira, fui até o meu chefe e pedi para ele parte das minhas férias atrasadas. O suficiente para que eu pudesse me acalmar um pouco. O mesmo concordou e na minha ausência, ficou responsável por coordenar o projeto.

Quando voltei de férias, todos aqueles que estavam praguejando dizendo que eu não fazia nada, estavam exaltando de felicidade, pois o projeto além de ter dado errado, atrasado, e alguns funcionários terem sido mandados embora, devido a falta de comprometimento, o chefe não conseguia ouvir as reclamações dos funcionários.

É interessante como as pessoas só percebem o real valor do se serviço e da sua presença quando não mais a tem. Isso não somente em casos de relacionamento, mas como este caso, no serviço e em qualquer relação humana. Utilize o a sua ausência para mostrar o real valor do seu trabalho.

USE A AUSÊNCIA PARA AUMENTAR O RESPEITO E A HONRA.

2 comentários:

  1. LIXO 2016 PETISTA


    2016 está acabando... Mas reflitamos profundamente. Eis:


    Na música brasileira temos a baixa-cultura corroborada pelo PT nesses 13 anos. O atual lixo cultural do Brasil petista.

    DILMA é um produto a ser consumido e comprado (mesmo que sem dinheiro). Um produto tal qual um "Danoninho©", produto esse industrial, com sedutoras fotografias de suculentos morangos externos (naturalmente que não física e materialmente internos!). Pegando na real o consumidor pela imagem mítica e não pela realidade interna.

    «Coração-Valente©» (até Lula sabe! Não sejamos bobos): tal qual a frase mítica do Danoninho© que "vale por um bifinho", também a pupila de Lula utiliza-se de um simulacro mítico que não reflete o "interior do pote"; a saber: a incapacidade dela de governabilidade, péssima articulação política (Maquiavel), horroroso projeto econômico de fiasco a pino, e ineficácia republicana, fraude. ¿O que adianta, então, afinal, o mito publicitário engana-trouxa de «Coração-Valente©»? Adianta nada!

    E, complexando um pouco [não precisava...; mas vai aí], que discursa assim: «(...) não acho que quem ganhar ou quem perder, nem quem ganhar nem perder, vai ganhar ou perder. Vai todo mundo perder.». Esse é o ver-da-dei-ro Coração-Valente© dos anos 60... Ponto final.

    Eis aí a utilização de clichês publicitários míticos para pegar o eleitor pelas VÍSCERAS: acertados, mas, verdadeiramente, engana-trouxa... A minoria escapa da artimanha, da burla e da ilusão petista.

    Verdadeiramente, a VIGARICE & picaretagem é a POPULARIDADE DE MITOS como a MITOLOGIA do «Coração Valente©,»… Um produto a ser vendido e comprado pelo eleitor, devido apenas ao vazio do mito.

    E, também, por outro lado, o problema é a SUAVE & disfarçada truculência do PeTê… Repare:
    É evidente que o Petismo se utiliza de técnicas das mais brilhantes de publicidade; brilhantes, mas embusteiras.

    ¡Jamais 1 Danoninho© vale por um bifinho!

    P.S.:
    ¿Como identificar um petista? Simples! Pela escrita. É singelo e sem enfeites. Veja:

    Amam o FHC (de maneira enrustida), a toda hora estão a falar no velho...

    E, mais singelo, amam o PSDB à distância -- não chegam perto, a longos 13 anos, falam sem parar no partidinho com rigor acadêmico, análise e tudo... São loucos inconscientes para ter como 2ª mulher ou amante o PSDB... Amor enrustido.


    [Obs.:
    Na música brasileira temos a baixa-cultura corroborada pelo PT nesses 13 anos. O atual lixo cultural do Brasil petista. A breguice, cafonice, baranguice e o kitsch do Petismo].

    = FIM =

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Conforme prometido disponibilizei hoje a linha de tempo da blogosfera financeira. Seu blog está no estudo. Passe lá depois para ver se está tudo certo.

    http://abacusliquid.com/blogosfera/finansfera-timeline/

    Um bom fds!

    ResponderExcluir