Uma vez estagiário, sempre estagiário.

terça-feira, 17 de março de 2015

Primeiras impressões no Brasil através de São Paulo

Escrito por with 11 comentários
Comentei um pouco sobre como era para um brasileiro, que está acostumado as temperaturas de dez a cinquenta graus viver em um lugar de primeiro mundo como o Canadá que vive em temperaturas abaixo de zero.

Hoje, quero compartilhar três vídeos com vocês, que gostei muito e percebo que a maioria dos gringos fica assim também quando comentamos sobre o Brasil.

Os vídeos foram feitos por um gringa que largou a sua vida na Europa e veio morar no Brasil. Exatamente, o oposto que muitas pessoas querem fazer. Eu fico me pensando, como será que é a vida das pessoas em outros lugares, o dia a dia delas, porque, muitas vezes acreditamos que aquele determinado lugar é melhor para nós, mas no fim... Ele não atende as nossas necessidades.







Acho que podemos dizer que o Brasil possui estes dois lados, o bom, o ruim, o feio, o belo, o pútrido, o vivo, a diferença social, a diferença cultural. É isso que eu gosto no Brasil. Podemos dizer que tudo está errado, que estamos vivendo um caos, mas ao mesmo tempo, temos os lugares mais belos, com as mulheres mais belas, e podemos sair para tomar uma cerveja em um bar depois do expediente. 

O Brasil precisa melhorar muito, mesmo, para conseguir ser um país melhor, mas ainda acho que é um lugar que ainda tem jeito, o que nos falta é um líder, de verdade, que possamos personificar toda força que queremos para poder focar em nossa mudança. Nenhum país é totalmente ruim, ou totalmente bom, e o importante é percebemos que aquele determinado lugar tem as coisas boas que procuramos.

Uta!

11 comentários:

  1. Muito interessante este video. Tenho tentado fazer um pouco mais isto, esquecer o macro e focar no micro. Tentar aproveitar um pouco das coisas que, de certa forma, posso controlar e mudar: onde eu vou, como me divirto, etc.

    Qualquer lugar, de qualquer país terá seu lado bom e seu lado ruim. Acho que funciona mais ou menos como o corey colocou recentemente: cada um se adapta melhor a um lugar/país mesmo tendo nascido em um diferente. O brasil é ótimo para uns e péssimos para outros, depende do gosto, dos valores, da personalidade.

    O problema é que hoje em dia todo mundo quer impor sua vontade, seus gostos e valores a todos os outros. Se não serve pra pessoa, não serva pra mais ninguém. Se é ruim pra pessoa é ruim pra todo mundo. Não conseguem ver que o mundo não gira em torno do próprio umbigo e que outras pessoas podem achar ótimo tudo aquilo que elas odeiam.

    O que nos fez chegar até onde estamos foi a diversidade, que nos ajuda a sobreviver, a resistir. Se fôssemos todos idênticos como bananas, na primeira gripe suína, ou whatever, estaríamos extintos...

    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. IC,

      Nos últimos dias estava com uma nuvem negra em cima da minha cabeça. Sabe o que fiz para melhorar? Me alinei por um tempo. E vou te dizer... As vezes a gente precisa fazer isso pra manter a sanidade.

      Quem sabe o Brasil vai pra frente, ou não :D

      Uta!

      Excluir
    2. Estagiário,

      Sei bem como é isso. Escrevi pensando em algo idêntico que me aconteceu a pouco tempo. Se ficarmos internalizando este cenário apocalíptico que a mídia e as redes sociais ficam pintando o hospício é destino certo.

      Um abraço!

      Excluir
  2. Tinha tempo que não via post tão bom na blogsfera quanto esse. Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns, ótimo post, me fez pensar de um modo diferente só Brasil, pois ultimamente eu só tenho pensado nos pontos negativos...

    Ah, e o que é Uta?
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Toguko,

      Seja bem vindo :)
      Dica, desliga a televisão e pare de ler notícias, isso ajuda pra caramba melhorar os pontos com relação você fica pensando.

      Uta = Abraços :)

      Uta!

      Excluir
    2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk tb sempre quis saber o q é Uta!

      Excluir
    3. kkkk. Achei que eu era a unica perdida que não sabia o que era uta!

      Estagiário, estou pensando em conhecer o Canadá e talvez até migrar um dia. Vi um post seu lá no Executivo pobre sobre uma viagem que você fez para outras províncias. Tem como fazer um post sobre isso, qual meio de transporte usar, onde ficar etc? Pretendo ir até o final do ano que vem. Obrigada. MP

      Excluir
    4. Olá MP,

      Eu fiz o passeio de carro... Consegui mais quatro brazucas para rachar o carro, mas a maioria do pessoal que faz a viagem sozinho ou vai de trem ou de ônibus. São dois transportes públicos muito bons.

      Para encontrar hotéis lá, recomendo : http://www.tripadvisor.com.br/

      Caso você pretenda ir de transporte público, acho que ficaria melhor pra você ficar próximo dos locais onde eles passam. Quando eu fui, fiquei meio afastado, então acredito que não seria muito interessante para você.

      Dica, se você estiver pensando em vir para cá para morar... Venha no frio. E sinta o que é o frio do Canadá. Quando eu vim para cá, tinha a ideia de ficar por aqui mesmo, mas depois que senti o frio e todas as outras coisas que vem junto com o inverno... Decidi que o meu lugar é em algum lugar um pouco mais quente. HAhahaha

      Uta!

      Excluir
    5. Ah beleza!

      O frio é a única coisa que me dá medo no caso de morar aí. Já fico congelada no frio de SP, imagina no daí! Isso está pesando bastante. Se eu não aguentar, Austrália aí vou eu! rsrss. obrigada pelas dicas.

      Uta!

      MP

      Excluir