Uma vez estagiário, sempre estagiário.

terça-feira, 10 de março de 2015

Mentores, seja um e arranje vários

Escrito por with Sem comentários
Antes de iniciar a postagem, gostaria que vocês dedicassem vinte minutos do seu tempo para assistir este vídeo de Tai Lopez no TEDx. Nele, Tai comenta sobre um pouco da vida dele e a regra dos 33%. A palestra está em inglês, mas as legendas automáticas estão boas.


Tai Lopez comenta que devemos passar um terço do nosso tempo com pessoas que querem que sejamos seus mentores, um terço com pessoas do mesmo nível que você e um terço com os seus mentores.

Quem são os seus mentores? É muito importante que tenhamos pessoas modelo para seguir, não para se tornar cópia da mesma, mas para aprender com ela, entender o que ela fez para conseguir chegar onde chegou. Um mentor pode ser uma pessoa desconhecida da mídia ou ainda, um ator de Hollywood, não importa quem seja, contanto que ele tenha algo a te ensinar.

Einstein tinha um mentor, Arnold Schwarzenegger tinha um treinador, Mohammad Ali tinha um mentor, grandes pensadores, lutadores, filósofos, estudiosos, muitos deles tinham mentores, pessoas que os guiavam que eles podiam contar para ajudá-los a trilhar o caminho.

Os benefícios de ser e de se ter um mentor são inestimaveis. Quando desenvolvemos uma relação com alguém por conta dos seu know how e pelo seu comportamento diário aprendemos muito com ela, não somente com seu conhecimento mas também como se portar em momentos decisivos. Mentores oferecem orientação, conexões, críticas, e apoio, ou seja, tudo o que uma pessoa precisa para amadurecer.

Exatamente por isso que tenho um grande querer pela maioria dos meus professores. E digo a maioria porque sabemos que temos dois tipos de professores, o que passa a matéria igual a bunda, e está pouco se fodendo para os alunos, e os professores que realmente trabalham para fazer com que seus aluos entendam, aprendam e estão sempre dispostos a ajudar. Não que eles sejam meus mentores, mas com certeza me ensinaram muita coisa e por isso sou muito grato.

Portanto, se hoje você não tem ao menos um mentor recomendo que encontre alguém, para que você possa tirar dela o conhecimento e a fibra que você não tem neste momento.

E para aqueles que perguntam quem são meus mentores:

  • Meu avô
  • Um professor do meu colégio técnico
  • Dois professores da minha faculdade no Brasil
  • Arnold Schwarzenegger, pelo exemplo de vida
  • Sylvester Stallone, pelo exemplo de vida
  • Bruce Lee, pela sua filosofia
  • Einstein e Thomas Edisson, pelo conhecimento e dedicação
  • Stephen Hawking, pelo conhecimento e determinação
  • Mahatma Gandhi, pela filosofia de vida
  • Buda, pelos ensinamentos
  • Mohammad Ali, pela dedicação

Como disse, você não precisa conhecê-los pessoalmente para que eles se tornem os seus mentores, basta aprender com o que eles têm a passar para você de conhecimento, dedicação e filosofia de vida.

E não se esqueça também de ser um mentor para alguém, afinal, você pode ser um exemplo para as outras pessoas também.

Uta!

0 comentários:

Postar um comentário